Teatro: Abertura do 25º Porto Alegre Em Cena terá espetáculo instrumental de raiz africana

0
62

Com ingressos esgotados, show do grupo Höröyá irá combinar música e dança, dia 11 de setembro, no Theatro São Pedro

Música e dança fazem parte da performance que o grupo instrumental Höröyá vai apresentar na abertura oficial do 25º Porto Alegre Em Cena, marcada para 11 de setembro, às 21h, no Theatro São Pedro. Formada em São Paulo, a banda reúne integrantes de diferentes origens, e aposta na mescla de variadas vertentes musicais originadas na África – entre elas, o samba, o jazz e o funk.

Essa proposta musical já é clara no nome do grupo: Höröyá, palavra de origem Mandeng que significa liberdade, autonomia e dignidade. No Em Cena, o conjunto mostra o repertório de seu segundo disco, Pan Bras’Afree’Ke Vol.1, gravado em estúdios no Brasil, em Mali e em Burkina Faso, no oeste da África, seguindo como conceito o movimento Pan-Africano.

No palco do Theatro São Pedro, a formação de nove instrumentistas – dividida em percussões, guitarra, baixo e sopros – terá como convidados músicos e dançarinos vindos do Senegal e da Guiné. No dia seguinte ao show, uma das convidadas, a dançarina Ibrahima Sarr, vai ministrar uma oficina gratuita de dança senegalesa. As inscrições vão até 20 de agosto (mais detalhes abaixo).

25º Porto Alegre em Cena é uma realização do Governo Federal, através do Ministério da Cultura, e da Prefeitura de Porto Alegre. O patrocínio master é da Braskem e o patrocínio é de Panvel Farmácias, BarraShoppingSul, Multiplan e Itaú. Os agentes culturais são a Primeira Fila Produções e a Leão Produções. Apoio institucional do Grupo RBS, TVE e FM Cultura. Apoio cultural do Programa Pontes(uma parceria da Oi Futuro com o British Council), Vitlog, Sesc – Sistema Fecomércio, Theatro São Pedro e Associação de Amigos do Theatro São Pedro. O festival conta com financiamento Pró-cultura RS, mecanismo de incentivo à cultura da Secretaria de Estado da Cultura, Turismo, Esporte e Lazer do Rio Grande do Sul.

Pan Bras’Afree’Ke (SP) – Höröyá e convidados

Dia 11 de setembro, às 21h, no Theatro São Pedro

Recomendação etária: livre

Duração: 75min

Ingressos: todos os setores – R$ 20 / R$ 10 (meia) – INGRESSOS ESGOTADOS

Ficha técnica:

Direção: André Ricardo

Músicos: André Piruka (percussão), Adilson Camarão (percussão), Rafael Fazzion (percussão), Jefferson Cauê (percussão), Tobias Kraco (guitarra), Nando Vicêncio (baixo), Thomaz da Costa Souza (sopros), João Drescher (sopros) e Edmar Pereira (sopros)

Participações: Moustapha Dieng (percussão – Senegal), Aziz Mbaye (percussão e dança – Senegal), Birima Mbaye (percussão – Senegal), Ibrahima Sarr (dança – Senegal), Djanko Camará (dança – Guiné) e Sekouba Oulare (percussão – Guiné)

Produção: Ana Paula César

 

Oficina de dança senegalesa (30 vagas)

Com Ibrahima Sarr (Höröyá)

Dia 12 de setembro, das 15h às 16h30min, na Sala Álvaro Moreyra

Inscrições: até 20 de agosto, pelo email inscricaoemcena@gmail.com

Informações: (51) 3289-8172 e www.portoalegreemcena.com/formativas

irá combinar música e dança, dia 11 de setembro, no Theatro São Pedro

Música e dança fazem parte da performance que o grupo instrumental Höröyá vai apresentar na abertura oficial do 25º Porto Alegre Em Cena, marcada para 11 de setembro, às 21h, no Theatro São Pedro. Formada em São Paulo, a banda reúne integrantes de diferentes origens, e aposta na mescla de variadas vertentes musicais originadas na África – entre elas, o samba, o jazz e o funk.

Essa proposta musical já é clara no nome do grupo: Höröyá, palavra de origem Mandeng que significa liberdade, autonomia e dignidade. No Em Cena, o conjunto mostra o repertório de seu segundo disco, Pan Bras’Afree’Ke Vol.1, gravado em estúdios no Brasil, em Mali e em Burkina Faso, no oeste da África, seguindo como conceito o movimento Pan-Africano.

No palco do Theatro São Pedro, a formação de nove instrumentistas – dividida em percussões, guitarra, baixo e sopros – terá como convidados músicos e dançarinos vindos do Senegal e da Guiné. No dia seguinte ao show, uma das convidadas, a dançarina Ibrahima Sarr, vai ministrar uma oficina gratuita de dança senegalesa. As inscrições vão até 20 de agosto (mais detalhes abaixo).

25º Porto Alegre em Cena é uma realização do Governo Federal, através doMinistério da Cultura, e da Prefeitura de Porto Alegre. O patrocínio master é daBraskem e o patrocínio é de Panvel Farmácias, BarraShoppingSul, Multiplan eItaú. Os agentes culturais são a Primeira Fila Produções e a Leão Produções. Apoio institucional do Grupo RBS, TVE e FM Cultura. Apoio cultural do Programa Pontes(uma parceria da Oi Futuro com o British Council), Vitlog, Sesc – Sistema Fecomércio, Theatro São Pedro e Associação de Amigos do Theatro São Pedro. O festival conta com financiamento Pró-cultura RS, mecanismo de incentivo à cultura da Secretaria de Estado da Cultura, Turismo, Esporte e Lazer do Rio Grande do Sul.

Pan Bras’Afree’Ke (SP) – Höröyá e convidados

Dia 11 de setembro, às 21h, no Theatro São Pedro

Recomendação etária: livre

Duração: 75min

Ingressos: todos os setores – R$ 20 / R$ 10 (meia) – INGRESSOS ESGOTADOS

Ficha técnica:

Direção: André Ricardo

Músicos: André Piruka (percussão), Adilson Camarão (percussão), Rafael Fazzion (percussão), Jefferson Cauê (percussão), Tobias Kraco (guitarra), Nando Vicêncio (baixo), Thomaz da Costa Souza (sopros), João Drescher (sopros) e Edmar Pereira (sopros)

Participações: Moustapha Dieng (percussão – Senegal), Aziz Mbaye (percussão e dança – Senegal), Birima Mbaye (percussão – Senegal), Ibrahima Sarr (dança – Senegal), Djanko Camará (dança – Guiné) e Sekouba Oulare (percussão – Guiné)

Produção: Ana Paula César

Oficina de dança senegalesa (30 vagas)

Com Ibrahima Sarr (Höröyá)

Dia 12 de setembro, das 15h às 16h30min, na Sala Álvaro Moreyra

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA