Tudo pronto para o 21° Festival de Teatro

0
104
Com uma convidada espanhola e oito estreias na Mostra, o evento curitibano abre o calendário cênico brasileiro no final de março
De 27 de março a 8 de abril de 2012, o Festival de Teatro de Curitiba muda novamente o ritmo da capital paranaense, como sempre acontece desde a sua estreia, em 1992. Serão 13 dias em que a cidade se transformará em um imenso palco e receberá artistas, jornalistas, produtores e plateia de todos os cantos, abrindo o calendário das artes cênicas brasileiras. Será a 21° Edição, marcando a maioridade plena, deste que é um dos principais festivais de Teatro do Brasil.
Há mais de quatro anos, ele é o carro chefe de uma grande reunião de manifestações culturais, ao lado de outros eventos já consagrados como Risorama, Gastronomix e Guritiba, abrigados sobre o grande guarda-chuva do Festival de Curitiba, espaço que mantém o pé firme no teatro, mas reúne também outras manifestações culturais.
Assim, música, gastronomia, shows de humor, mágica, dança, improviso, cinema e debates se juntaram às linguagens teatrais na imensa vitrine de talentos que o evento se transformou. Um dos poucos eventos culturais com mais de 20 anos ininterruptos do Brasil, o Festival de Curitiba tem opções para todos os gostos e idades. Uma longevidade que se deve também, ao cuidado da produção, em estar atenta às mudanças do meio artístico.
“Entendemos que nossa matéria prima são pessoas e que essas pessoas tem anseios, vontades e expectativas. Lidamos com elenco, patrocinadores, imprensa e público e respeito às pessoas que participam do evento e orbitam o Festival é uma meta constante”- disse ontem Leandro Knopfholz- criador e diretor geral do evento.
Abertura e Mostra  
A peça espanhola “Los Pájaros Muertos”abrirá oficialmente a programação do 21° Festival de Teatro de Curitiba, com apresentação gratuita aberta ao público no Largo da Ordem. Neste ano, a Mostra terá 29 espetáculos, de seis estados brasileiros (SP-PR-RJ-MG-PE e BA) e dois internacionais (Espanha e Inglaterra). Desse total, oito são estreias nacionais.
Entre as estreias da Mostra estão as duas peças da Companhia Carioca Os Fodidos Privilegiados- “O Casamento” e “Escravas do Amor”- ambas de Nelson Rodrigues, cujo centenário de nascimento será celebrado durante o Festival de Teatro de Curitiba. O Grupo Galpão também vai estrear no Festival o espetáculo “Eclipse”- baseado na obra de Anton Tchékov. O núcleo paulista da Companhia de Ópera Seca estreia a peça “Licht + Licht”, com direção de Caetano Vilela.
Completam a lista de estreias “A Peça do Casamento”, com direção de Pedro Brício; “De Verdade”, dirigido por Márcio Abreu, da Companhia Brasileira; “Ah, A Humanidade! e outras exclamações”- da Pausa Companhia; e “Caravana- Memórias de um picadeiro”, do Circo Roda, com direção de Chico Pelúcio.   
(A foto que ilustra a matéria foi clicado ontem, durante a coletiva de imprensa no Teatro Paiol e registra o Diretor do Festival de Teatro de Curitiba- Leandro Knopfholz; a jornalista Lúcia Camargo- representando a curadoria da Mostra, o diretor João Fonseca emoldurados pelos atores Sérgio Marone e Juliana Baroni, ambos da peça “Escravas do Amor”- que tem direção de Fonseca e celebra os 100 anos de nascimento de Nelson Rodrigues) Foto: Divulgação/NQM Comunicação
   
COMPARTILHAR
Artigo anteriorCorra para a Liquidação Lápis Vermelho do ParkShoppingBarigui
Próximo artigoNa Agenda…
O jornalista João Nunes é o comandante desta página que tem como único objetivo informar, e informar bem...Trabalha no mercado editorial há 30 anos, tendo a seu favor a parceria das melhores assessorias de imprensa e comunicação do sul do país, além de ser o editor chefe na elaboração de textos e matérias aqui publicadas. Jornalista profissional, vem ao longo do tempo se modernizando com a rápida tecnologia dos dias atuais. Tenha uma boa leitura!

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA