Coluna By João Nunes- 25 Anos de Colunismo Social

0
872

“Então, pintei de azul os meus sapatos por não poder pintar de azul as ruas da cidade…..
Carlos Pena Filho – poeta


**** Buenos Aires continua em alta mundo afora. Agora, foi na França. Na última edição da mais inglesa das revistas francesas, “The Good Life”, a capital da Argentina ganhou mais de 18 páginas. Chamada de “a mais europeia das cidades da América Latina”, a reportagem é só elogios para a terra de Evita Péron  . O mote do repórter é mostrar que Buenos Aires é bem mais do que o clichê “tango-assado-pólo”. A cidade ocupa o primeiro posto mundial do teatro de língua hispânica, batendo Madri. Complementam o editorial dicas de museus, restaurantes, hotéis, passeios e entrevistas com empresários e gente da cena local, e o crescimento da economia. O resultado deverá ser um aumento do número de visitantes europeus na terra de Gardel. O editorial já está na minha mesa de leituras.


**** Os festejos dos 80 anos da Air France, este mês, deixaram o pessoal do mundo fashion parisiense em alvoroço. Tudo por conta do lançamento de uma linha de bolsas de viagem “vintage” com o logo da companhia aérea. As versões são em azul, cor oficial da empresa, branco e preto. Quem tem milhas da Air France pode trocá-las pelos produtos.


**** Em ocasião de celebrar Punta del Este, faz relembrar Vinicius de Moraes, que na atividade de diplomata morou em Montevidéu e tornou-se entusiasta do balneário. Ao deixar a embaixada do Brasil, não se despediu da praia, deixando uma casa alugada para ocasionais visitas, quase sempre acompanhado de um de seus tantos amores. A coluna No Sofá já registrou estes episódios….


Certa vez telefonou ao amigo Luis de Maria, uma das ótimas figuras de Punta, pedindo que decorasse o pequeno bungalô com 48 dúzias de rosas. Luis, embora não fosse fácil colocar tal volume de flores em espaço exíguo, saiu-se bem. Vinicius e sua amada tiveram uma bela surpresa ao abrir a porta: a casa inteira, assim como a cama, estava recoberta com pétalas de rosas vermelhas.

**** A coluna recebe convite para prestigiar hoje o coquetel de lançamento da coleção- 2014 da Cia. Marítima, oportunidade em que a loja vai comemorar a abertura de suas portas no Pátio Batel. Quem recebe com lista na porta é o jornalista Léo Tramontin.

   Fotos; Divulgação/No Sofá

Cia. Marítima inaugura loja no Pátio Batel
O VERÃO DE 2014
            Os Gypsetters foram o ponto de partida para a concepção da coleção de Verão 2014 da Cia.Marítima. Da junção das palavras gypsyjet setter, são pessoas descoladas que circulam pelo mundo inteiro atrás de aventuras em destinos não tão óbvios, porém, buscam conforto e privacidade, sempre em contato com a natureza e preocupados com o meio ambiente. É o estilo de vida back to basics, de uma forma mais cool, onde o conceito de gypset alia a sofisticação e velocidade do jet set com a liberdade de espírito do cigano.
            Essa tribo, extremamente elegante, mas de forma sutil, tem ligação direta com  uma tendência de moda mais despojada. Foi assim que a marca agregou o etnicismo a essa história, trazendo influências da jungle mania – que virou febre em todos os lugares – a esse mundo paralelo. Estampas de bichos e grafismos étnicos foram as apostas para o verão, tudo pensado em cores vibrantes que, a partir da estamparia digital, resultaram em tecidos com vivacidade e explosões de texturas. Desta vez, a mulher da Marítima, vai invadir o cenário de veraneio em grande estilo, se posicionando de forma elegante, mas cheia de conceito, ostentando peças que reafirmam uma identidade com lifestyle Glam-Hippie.
            São dois temas principais, Bichos e Étnico, complementados por Listras e um Floral:
            – Bichos: Estampas de onça com lavagem desgastada (Savana) e interferência de cores (Ombrê) tem sua família complementada por tigres (Wild), pavãos (Peacock e Plumage) e cobras (Leather). Destaque para a estampa localizada de onça pintada (Safari), tendência que é muito vista mundo a fora.
            – Étnico: Estampas com pegada rústica, porém atuais, cheias de mistura de cores que causam efeitos visuais incríveis (Folk, Gipsy, Mallorca, Mosaico e Mustic).
            – Listras: São grandes apostas, por isso ganharam três versões diferentes, uma com listras fininhas e distâncias irregulares (Fiji), outra texturizada e com cores intercaladas (Tenerife) e claro, o padrão tradicional não poderia ficar de fora (Stripes).
           
– Floral Liberty: Nesta coleção ele está mais delicado do que nunca e fica muito bem quando misturado com as listras.
            Nos biquínis a coleção vem com novidades de modelagens, como a hot pant com tomara que caia estilo pin up, que modela os seios, além de tangas franzidas no bumbum e nas laterais – são puro charme! -, sem contar os bodies, que vem com tudo neste verão, ideais para serem usados em ocasiões mais refinadas com clima descontraído. Para complementar a coleção, há uma vasta opção de roupas, entre as mais queridas da marca estão as leggings estampadas, que não saem dos looks das fashionistas, os vestidos colados no corpo que “parecem nada mas causam um efeito tudo”, os kaftans longos, chiquérrimos e atemporais para qualquer evento diurno e noturno, além das peças em guipure, que tem um toqueboho chic e deixam qualquer look uma graça. Entre os tecidos debeachwear, o destaque é da nova liganete (jersey light) que foi usada nas saídas de praia, a qual tem um toque incrivelmente macio e fluído, com caimento impecável.
            São 16 estampas que resultaram em mais de 160 peças marcantes, todas pensadas em uma bohemian woman, símbolo da Cia.Marítima. É a prova de que misturar estilos sempre foi a essência da marca, que consegue mesclar conceitos de moda e construir coleções atuais que suprem os desejos de mulheres modernas e antenadas, que usam esse way of life como forma de expressão.
CIA.MARÍTIMA – Pátio Batel :  Avenida do Batel 1968 – piso L3 –  (41) 3020.3499